Visto de residência em Portugal e Autorização de residência , qual a diferença?



Muitas vezes surgem dúvidas quanto ao visto e autorização de residência em Portugal, exemplo: existe diferença ou são a mesma coisa com terminologias diferentes?


Sim, são diferentes, e sim, os dois são necessários para se viver legalmente em Portugal.

Mas, a boa notícia é que são simples de se entender.


Então, vamos ver o que são de fato cada um e qual a diferença entre eles. Bem, basicamente a maior diferença é que visto de residência deve ser solicitado ainda no Brasil, através do consulado português, enquanto o autorização de residência será solicitado quando já estiver em Portugal.


VISTO E RESIDÊNCIA EM PORTUGAL


Para brasileiros que não possuem cidadania europeia, e pretendem morar em Portugal por motivos de trabalho, estudo ou empreendedorismo, será necessário ter um visto que permita residir em Portugal. Exemplo de vistos:


  • D1 - Direcionado para quem já tem um contrato de trabalho em Portugal, por período superior a um ano.

  • D2 - Para empreendedores, advogados, médicos etc.., que irão prestar serviços em Portugal

  • D4 - Para quem pretende estudar em Portugal por mais de um ano.

  • D6 - Reagrupamento familiar, destinado a familiares do titular de um visto de residência

  • D7 - Para aposentados ou com outros tipos de rendimentos que queiram morar em Portugal.

AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA EM PORTUGAL


Também conhecido como “AR”, ele é a continuidade do visto de residência.

O visto de residência você solicita no Brasil e quando chega em Portugal apresenta ao SEF ( Serviços de Estrangeiros e Fronteiras- https://www.sef.pt) para ser emitido a autorização de residência, ou seja, um complementa o outro.

A solicitação deve ser feita pelo própria pessoa que tem o visto de residência, basta fazer um agendamento por telefone ou presencialmente, e levar os seguintes documentos:


  • Passaporte

  • Visto de residência

  • duas fotos atuais e iguais, com fundo liso.

  • Comprovante da residência em Portugal

  • Certidão do registro criminal português para maiores de 16 anos,

  • Comprovativos de renda que sujam para subsistência em Portugal

  • Comprovante de inscrição na segurança social

  • Comprovante que está inserido no serviço nacional de saúde em Portugal.


Portugal é um país geograficamente pequeno com pouco mais de 10 milhões de habitantes, no entanto quando falamos em qualidade de vida, Portugal possui altos níveis que o levam a ser um dos melhores países do mundo para se morar e trabalhar, tanto é que Portugal ficou em 1º lugar no quesito qualidade de vida no ranking elaborado pela InterNations.

E você tem um sonho de morar e trabalhar em Portugal?

Caso queira saber mais, não hesite em nos contactar, estamos disponíveis por meio do e-mail: contato@myeurobusiness.com.br ou no nosso perfil do Instagram.


Gostou do conteúdo? Não se esqueça de clicar no 🖤 pois é muito importante para nós!


Fale agora pelo QRcode




15 visualizações