Ter um registro na junta comercial (domínio) ou marca nas Redes não lhe dá a propriedade da Marca!



A grande maioria das empresas entendem que o registro na junta comercial é tudo que necessita para o início e crescimento de seu negócio, porém ter um registro no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), é igualmente importante para o negócio.


Outro alerta é que, o nome relacionado à marca que consta no CNPJ, ou seja o nome “fantasia” somente será de sua propriedade, após o registro do INPI.


Ou seja, a única forma de garantir que é proprietário de um marca, é registrá-la no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial).


Imagine depois de investir na abertura de sua empresa, na construção da identidade visual, em um site, nas redes sociais, e de repente receber um comunicado que um terceiro é proprietário de sua marca e você perder todo o trabalho que fez?


Parece distante que isso ocorra, porém na realidade acontece rotineiramente, conforme dados do Serasa Experian, existe um percentual muito alto de empresas que não registram suas marcas, ou seja, empresas vulneráveis é essa situação.


No mundo de hoje o risco de alguém registrar sua marca para depois tentar vendê-la para você mesmo, é muito alto. Sem contar que provavelmente você faria um enorme sacrifício para comprá-la.


Não ter este registro pode trazer diversas consequências e, inclusive, levar à perda da marca e multa indenizatória pelo uso indevido.



Se você tem alguma dúvida sobre o tema, é só enviar uma mensagem, ficaremos felizes em te ajudar.


14 visualizações